Análise: Corinthians 3 x 2 São Paulo

O São Paulo foi até Itaquera com uma formação bem diferente, o 3-5-2, e uma surpresa na zaga. Quando a torcida viu qual seria o trio defensivo (Lucão, Maicon e Douglas), todo mundo já previa qual seria o resultado. E mais uma vez, ficamos sem entender o quanto Lucão e Douglas são melhores do que o Lugano, e até mesmo o Maicon.

Com esta escalação equivocada acabou acontecendo esperado, a zaga começou a bater cabeça e “entregou” dois gols ao rival, isso sem contar o pênalti cometido. Assim, não tem esquema que aguente! Você pode ter a melhor estratégia do mundo, mas enquanto insiste em peças que não tragam confiança, o resultado não vem! É claro, que falta material humano, pela primeira vez, vi um banco de reservas composto por 3 goleiros! Mas, ainda assim, como o uruguaio é banco desta zaga atual?!

O tricolor começou muito mal, entretanto cresceu na segunda etapa após partir completamente pro ataque, em um 4-2-4, e até que acabou merecendo um empate, o qual não veio. Só que isso não é o suficiente para a grandeza do clube, temos que ter uma mente vencedora. Até se o empate saísse, não apagaria o péssimo planejamento dos gestores do instituição!

Concordo que o nosso técnico não foi bem hoje, mas não podemos culpá-lo pela diretoria que temos! Ao contrário dela, ele se importa com o clube e isto é uma fator relevante. Pois, entra técnico e saí técnico e a situação nunca muda.

Vamos as análises individuais:

Renan Ribeiro: Não teve culpa nos gols sofridos e evitou até um placar maior. Nota: 60

Douglas: Não foi bem e ainda cometeu um pênalti. Nota: 40

Maicon: Péssima atuação, há muito tempo vem caindo de rendimento. Falhou feio em 2 gols, em um deles atuou como um verdadeiro armador, mas só que a favor do time rival. Nota: 35

Lucão: Bateu cabeça com os demais e ainda deu uma furada medonha, a qual provocou um dos gols sofridos. Nota: 35

Marcinho: Demorou para entrar no jogo, mas deu trabalho na segunda etapa. Nota: 60

Éder Militão: Não o culpo pela atuação de hoje, é jovem e ainda está evoluindo. Nota: 50

Jucilei: Fez uma partida regular. Nota: 60

Cícero: Mais uma partida desastrosa, parece que anda em campo. Nota: 40

Júnior Tavares: Defensivamente não foi bem, mas fez as assistências para os gols do tricolor. Nota: 65

Lucas Pratto: Fica difícil um centroavante não ter a companhia de um meia armador no time. Praticamente não teve oportunidades. Nota: 55

Gilberto: Teve uma boa atuação. Fez gol e ofereceu muito perigo ao adversário. Nota: 70

Bruno: Entrou para recompor o sistema defensivo, o qual estava muito fragilizado. Nota: 55

Wellington Nem: Depois de 14 jogos, fez o seu primeiro gol na equipe! Quem sabe agora não engrena? Nota: 70

Thomaz: Jogou pouco tempo. Sem nota

Rógerio Ceni: Hoje, escalou mal e mexeu bem. Ainda comete algumas falhas de iniciante, mas completamente compressíveis, quando você olha pro material humano à sua disposição. Nota: 55

 

Gostaria de agradecer as dicas do Eduardo Affonso, da ESPN, as quais foram importantes para a mudança no tipo da análise do jogo e na criação de critérios para as notas dos jogadores.

Estatísticas do jogo
Avalie

Sou publicitário, trabalho com sites e apaixonado pelo tricolor paulista! Resolvi juntar todas as minhas paixões e transformá-las no #TeamSãoPaulo.

Sem comentários

Deixe um comentário